27 de jul de 2011

Originalidade




Ser original tem as suas coisas.



Regra geral ataco os saldos e as lojas de roupa em segunda mão ou lojas vintage e altero tudo o que compro: aperto, alargo, fecho, abro, tiro, ponho... garanto que ninguém tem uma peça igual à minha. Dá trabalho, não compro a peça e uso no próprio dia nem no dia a segiur, preciso de tempo para conhecer a peça e para a moldar ao que tenho na imaginação... mas o resultado compensa sempre! Cansei-me das peças de roupa em série, usadas por toda a gente e iguais em todas as lojas (só muda a etiqueta e o preço...)!



Mas de vez em quando aparecem pessoas que nos fazem pensar e dedicam a cada peça o mesmo amor e carinho com que nós tratamos as nossas roupas... é o caso de uma marca portuguesa com vestido lindos! Enfim, os preços não serão os mais acessíveis mas mesmo assim... às vezes compensa! Para ter aquela peça, com aquele toque, com a nossa personalidade!


Deêm um pulo à loja e deliciem-se com o mar de cores e padrões, perfeitamente conjugados!